domingo, 27 de novembro de 2011

Perguntas ao Sapo Apaixonado


Olá, Boa tarde ( Madalena S, 4 anos)

Oh Pata porque é que tu gostavas do Sapo (Mafalda ,4 anos, Afonso,3 anos)

Eu também tenho um sapo na minha casa ( Miguel, 4 anos)

- É a sério ou a fingir? ( Perguntou a Margarida, 4 anos)
- É a fingir e é mole ( Miguel, 4 anos)
- Eu tenho lá um em casa que é para por sabão nas mãos ( Margarida, 4 anos)

Oh Sapo, tu gostas da Pata porquê? ( Diego, 4 anos, Madalena A, 3 anos)

Oh Sapo, mas como é que tu foste para casa da Pata, se estavas tão magoado? ( Margarida, 4 anos)

Oh Sapo e apaixonaste-te por ela porquê? ( Mafalda, 4 anos)

Oh Sapo, o que é que tu comes? ( Matias, 3 anos)

E tu Pata, o que é que comes ( Matilde M, 4 anos)

Onde é que vocês moram? ( Constança, 4 anos)

Oh Pata, tu não gostavas de nenhum pato? ( Madalena S, 4 anos)

Oh Porquinho, tu assustaste-te quando o Sapo deu um salto. E eu gosto muito de ti ( Penélope, 4 anos)

Quero perguntar aos animais todos, se vocês têm árvore de natal, para fazerem no Natal ( Margarida, 4 anos)

Eu gosto muito de ti Pata. E quero-te perguntar se tu tens um vestido para casar? ( Inês F, Penélope, 4 anos)

Lebre, onde fica a tua casa? ( Pedro, Margarida, 4 anos)

Lebre, porque é que moras longe da Patinha? ( Mafalda, 4 anos)

Oh Lebre, tu gostas da Pata? ( Madalena A, 3 anos)

Lebre tu tens sapatos ou andas descalça ( Madalena S, 4 anos)


Isto é tudo o que queremos saber.
Podem-nos responder?
Muitos beijinhos dos meninos da #sala4 do Colégio de Alfragide

E vocês sabem a canção dos Patinhos?
Nós sabemos toda e vamos cantar para vocês:

Todos os Patinhos by Ana Dominguez

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

O Sapo Apaixonado



O Sapo anda preocupado com a saúde: tem o coração a bater depressa demais. A lebre diz que ele deve estar apaixonado - mas por quem? O autor desta história de amor é Max Velthius, artista holandês de reputação internacional, cujos livros têm sido publicados no mundo inteiro.


Metodologia de trabalho: Grande grupo
  • Leitura da História “ O sapo apaixonado”;
  • Quem são as personagens?
  • Como são?
  • Onde se passa a acção?
  • Descobrir o significado de palavras desconhecidas
  • Antónimos: frio; verdadeiro; bem; rir; simpática; dentro; aqui; não;preocupado…
  • Diminutivo/Aumentativo: porquinho…
  • Reconto da História.
  • Desenho indvidual da história para construção de 1 slideshare.
  • Perguntas feitas por email aos personagens.

domingo, 13 de novembro de 2011

A Árvore e o menino responderam




Olá meninos e meninas da sala #4. Gostámos muito das vossas perguntas e aqui vão as nossas respostas.


- Porque é que cortaste o raminho da árvore? ( Gonçalo, 3 anos)


- Primeiro cortei um raminho porque precisava de fazer uma casa. E depois cortei outro para fazer um barco.


- O menino que já era velho, cortou o ramo da árvore porque queria ir para longe daqui.
Para onde foste menino? ( Lucas, 4  anos)

- Fui dar um grande passeio: fui ao Brasil, depois fui a Moçambique, à Austrália e ao Japão.


- Oh menino, onde é que tu dormes? ( Margarida, 4 anos)

- Então? Durmo na casa de madeira que fiz com o raminho que a árvore me deixou cortar.

- Porque é que tu eras menino e ficaste velhote? (  Miguel, 4 anos)

- Ai que pergunta tão difícil! No princípio da história eu era menino, andava no colégio de Alfragide. Depois o tempo foi passando, eu cresci, fiquei um homem, depois o tempo passou mais um bocadinho, e eu fiquei velhote.

- Oh árvore, porque é que gostaste do menino ? ( Afonso, 3 anos)

- Porque o menino me faz companhia, conversa comigo, pede-me ajuda para resolver alguns problemas lá dele. O menino é meu amigo, e os amigos gostam uns dos outros.


- Menino, o que é que tu comes? ( Matilde M, 4 anos)

- Muitas coisas. Como cereais e fruta ao pequeno-almoço. Ao almoço como sopa e douradinhos com arroz. Ao jantar como massa com carne. E antes de ir dormir ainda bebo um copo de leite.  

- Menino, porque é que cortaste a árvore e ela ficou tão baixinha ? ( Madalena A, 3 anos)

- Porque precisava da madeira para fazer um barco para ir dar uma volta.

- Oh menino, tu tens sapatos? ( Bernardo, 3 anos)

- Tenho pois. Tenho uns ténis e uns sapatos de vela. E também umas botas para jogar à bola.

- Oh menino porque é que te foste embora e a árvore ficou triste? ( Mafalda, 4 anos)

- Fui dar um passeio. Mas mesmo quando estava a passear mandava SMS à árvore e e-mails, para ela não ficar muito triste.

- Oh menino, tu ainda tens a casa e o barco que fizeste ? ( Pedro, 4 anos)

- Ainda pois. Onde é que pensas que eu vivo? Na casa que fiz com a madeira da árvore.

- Oh árvore, porque é que tu gostas do menino? ( Inês F, 4 anos)

- Porque o menino conversa comigo e faz-me companhia. Ela diz umas coisas muito engraçadas, conta anedotas e canta umas canções muito giras.

- Oh menino, tu tens brinquedos? ( Miguel, 4 anos)

- Tenho. Tenho bolas, legos, carros de corrida. Mas o meu brinquedo preferido é a play-station do meu irmão.  

- Oh menino, tu tens auto caravana? ( Margarida, 4 anos)

- Eu não, mas o meu pai tem uma e leva-me a passear nela. É muito bonita, branquinha, com os cromados a brilhar e uma porta muito engraçada. Parece uma casa de brincar.  


- Oh menino, porque é que te penduravas nos ramos da árvore? ( Bernardo, 3 anos)

- Para fazer ginástica. E também porque gosto de brincar a pendurar-me nas árvores.

- Oh árvore, tu gostavas mesmo muito do menino, porque quando ele se ia embora tu ficavas muito triste, não era? ( Madalena S, 4 anos)

- Era pois. Fiquei triste, mas também fiquei contente porque o menino vinha-me sempre visitar e conversava e brincava comigo.


E pronto. Muitos beijinhos para todos, tenham uma boa semana, muito divertida.
Ah, e dêem também beijinhos à Ana

Menino e Árvore

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Perguntas à Árvore Generosa





Olá árvore e olá menino


- Porque é que cortaste o raminho da árvore? ( Gonçalo, 3 anos)

- O menino que já era velho, cortou o ramo da árvore porque queria ir para longe daqui.
 Para onde foste menino? ( Lucas, 4  anos)

- Oh menino, onde é que tu dormes? ( Margarida, 4 anos)

- Porque é que tu eras menino e ficaste velhote? (  Miguel, 4 anos)

- Oh árvore, porque é que gostaste do menino ? ( Afonso, 3 anos)

- Menino, o que é que tu comes? ( Matilde M, 4 anos)

- Menino, porque é que cortaste a árvore e ela ficou tão baixinha ? ( Madalena A, 3 anos)

- Oh menino, tu tens sapatos? ( Bernardo, 3 anos)

- Oh menino porque é que te foste embora e a árvore ficou triste? ( Mafalda, 4 anos)

- Oh menino, tu ainda tens a casa e o barco que fizeste ? ( Pedro, 4 anos)

- Oh árvore, porque é que tu gostas do menino? ( Inês F, 4 anos)

- Oh menino, tu tens brinquedos? ( Miguel, 4 anos)

- Oh menino, tu tens auto caravana? ( Margarida, 4 anos)

- Oh menino, porque é que te penduravas nos ramos da árvore? ( Bernardo, 3 anos)

- Oh árvore, tu gostavas mesmo muito do menino, porque quando ele se ia embora tu ficavas muito triste, não era? ( Madalena S, 4 anos)


Adeus árvore e adeus menino.
Nós gostamos muito de vocês, ficamos à espera que nos respondam.
Muitos beijinhos dos meninos da #sala4 do Colégio de Alfragide

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

A Árvore Generosa


Estas são algumas sugestões de actividades que se podem seguir à leitura do livro “A árvore generosa”. Sintam-se à vontade para adaptarem aos vossos níveis de ensino. Bom trabalho!


Actividades:


  • Explorar a capa e o título. Pedir que formulem todas as hipóteses possíveis sobre outros nomes para a história, a partir destes elementos.
  • Criar uma colagem que ilustre uma árvore: “A árvore de mensagens generosas
  • Os alunos vão dizer frases que serão escritas em papel em forma de folhas de árvore, assim como um tronco e ramos para albergar as folhas .Cada um pode dizer mais do que uma frase e irá colá-la num dos ramos da árvore. Durante, ou no final da semana, discutimos as mensagens que disseram. Ficaremos surpreendidos com alguma das mensagens?


Retirado daqui.